MENU

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008 - 18:09Álbum sobre rodas

ÁLBUM (SOBRE RODAS) DE FAMÍLIA

SÃO PAULO (estoque grande) – Vira e mexe dou uma olhada nos e-mails antigos e, aos poucos, a gente vai reativando algumas séries do blog. Esta imagem aí no alto foi enviada pelo Romeu Nardini, que conta:

“O carro: Renault Dauphine 1963 (meu primeiro carro). Local: rua Augusta de mão única e paralelepípedos, em frente à loja de discos Hi-Fi. Evento: Gincana da TV Record, fins de 1964. A Escuderia Hi-Fi escolheu como tema o enterro do ano de 1964 (mal sabíamos que a coisa ia piorar ainda mais), por isso o detalhe do caixão sobre o Fusca verde. Fomos finalistas na gincana, vencida pela tradicional (e numerosa) Escuderia Pepe Legal, da Mooca.”

Demais, demais! Mas falta contar detalhes da gincana. E se tivermos alguém aqui da Escuderia Pepe Legal, o espaço está aberto para matar as saudades.

64 comentários

  1. wilson disse:

    Meu pai era o Robertão, e junto com o Landão, o italiano borracheiro, o Stefano o Macalé, muitos outros faziam parte da escuderia Pau na Máquina da nossa querida Vila Alpina….gostaria de saber mais sobre a escuderia….tenho vários adesivos…e quem sabe possamos manter contato…..entrem em contato pelo e-mail nathaliasg_2013@hotmail.com.

  2. Davilson dos Santos Rebello disse:

    Na época das gincanas de São Caetano do Sul, eu era da diretoria da escuderia Estadão, e era conhecido por (Dave), participei de todas ás gincanas, Tenho muita saudades dos meus amigos daquela época, não sito nomes pois são muitos e todos muito queridos, atualmente estou com 67 anos e moro no interior de São Paulo, e constantemente me pego relembrando aqueles dias de aprontos, rachas e outros. Ainda guardo a camiseta que eu usava a quase 50 anos atras. Um abraço a todos que lerem minha mensagem e saudades a todos os meus amigos da Estadão Querida.

  3. Amorim Leite disse:

    Olá, Flávio! Quando tiver um tempinho, leia meu post sobre escuderias em meu blogue: http://goo.gl/LS71De.
    Abs

  4. melissa disse:

    Olá, me chamo Melissa e sou sobrinha do Romualdo Bella Rueda, ele era um dos participantes da Escuderia Pau na Maquina, da Vl. Alpina. Pretendo escrever um romance sobre aquela época, anos 60 e 70, baseado nas histórias das escuderias dos bairros. Sei que a última resposta de um posto neste site é datada de 2008, mas não custa nada tentar, não é? Vai que algum louco daquela época dê de entrar aqui e ver minha mensagem!
    Meu e-mail é avenia.melissa@yahoo.com.br

    • wilson disse:

      meu pai tb fazia parte da escuderia pau na maquina…seria muito legal.poder reunir algumas pessoas que fizeram parte daquela historia.

      • Vaine colucci disse:

        Ola , como eu faço pra comprar o adesivo?me de seu endereço , logo estarei na Vila Alpina,

      • wilson disse:

        Olá, boa noite, tenho adesivos da escuderia pau na máquina…eu arrumaria alguns para vc sem cobrar qualquer coisa…seria um prazer poder manter contato com pessoas daquela época, pois meu pai falava muito da escuderia e dos bons tempos…podemos marcar no próprio largo de Vila Alpina perto da Chibana o que vc acha? obrigado por responder.

      • Aguinaldo Garcia disse:

        Olá !!! Meu nome é Aguinaldo e eu morava na Rua Xavier de Assis no São Lucas. O pai do Italiano ( Seu Zé da vendinha) morava na mesma rua e por várias vezes eles se reuniam lá pra consertar os Dodgão !!! O do Italiano era Roxo com os bancos brancos !!! Puxa eu era criança mas já ficava babando !!! Eu gostaria imensamente de ter o adesivo da pau na máquina. Grato !!!

  5. Carlos Alberto Santoro disse:

    Bom ver tudo isso. Fui fundador da Escuderia Pica Pau, lá do bairro do aeroporto ( Congonhas ). Bons tempos. Fomos finalistas em algumas gincanas da Record e também da Bandeirantes. Bons tempos.

  6. Paulo A.Rodrigues disse:

    Gostaria de saber se alguem possa me escrever onde encontrar um adesivo, da escuderia pau na maquina de vila alpina

  7. Paulo A.Rodrigues disse:

    Alguem ai sabereria me dizer onde poderia encontrar um adesivo da escuderia Pau na Maquina.

  8. Edson Pasquali disse:

    Estive com os irmãos muitas vezes em várias gincanas etc.até joguei futebol no juvenil do juventos,sou primo do Toninho Lamanna

  9. durval bressan disse:

    Que saudade. Ao ver este site, lembrei-me da escuderia Estadão de Sao caetano do Sul. Nosso embate era com a escuderia Dexamil do cine Vitória. Lembro do Davis, ari, Miguel, MImi, Espanhol e alguns loucos da época. Que curtição.

    • Davilson dos Santos Rebello disse:

      Caro Durval Bressan, compartilho o mesmo sentimento com relação aos dias que vivemos na Escuderia Estadão, caso voce leia meu recdo, tente entrar em contato comigo, abraços do amigo Dave da Estadão.

      • Fernando disse:

        Olá turma do Estadão, lendo este site, fiquei contente e poder relembrar os nomes dos amigos, Miguel, Espanhol(Betania), Davi, Carminho, Cal, Menezes, Pipi, Cidão, Padre, Paulinho, Elias, Dedé, Fubeca, e tantos mais, pena que alguns já se foram, mas as lembranças ficam, um abraço a todos.

  10. Roberto Augusto Giusti disse:

    Puxa que saudades da Pepe Legal, o que ta dificil é conseguir o adesivo dos antigos aqueles da nossa epoca, quando colocava-mos na Simca Chambord, nos Opalas.
    Ser lembrado pelos amigos distantes e sumidos faz com que a memoria relembre as farras, os bailes e tudo que na nossa juventude já longe (pela idade cronologica, pois somos jovens grisalhos até hoje) foi ótimo.
    Abraços a todos.

  11. Luiz Antonio Gisondi.'. (Giso.'.) disse:

    A Escuderia Pepe Legal sempre esteve ativa nesses 43 anos desde sua fundação em 12 de Junho de 1966, na década de 80 fundou-se a Associação Esportiva e Cultural Pepe Legal, porém mantém o nome fantasia de Escuderia Pepe Legal.
    O objetivo maior sempre foram as ações voltadas para a filantropia, e dentro desse espírito, participamos de todos os eventos para os quais sejamos convidados ou mesmo organizando ações pontuais, junto a Orgãos Públicos, Entidades e Empresas.
    Nossas camisetas, bonés e adesivos são comercializados em nossa sede na Rua da Mooca 2871 fone 2291-0076 (H.C.).
    Se nos for permitido sempre postaremos nessa página, objetivando informar nossas ações e eventos
    Visite nosso site http://www.escuderiapepelegal.com

    ESCUDERIA PEPE LEGAL
    Giso.’.
    Relações Públicas

  12. Antonio Carlos disse:

    Rapaz, to longe da Moóca faz tempo e achei o assim vou morrer de saudades !!!! Me diga se e verdade que posso ter novamente o adesivo no carro. O Claudio Bassi ta informando isso.
    Abs

  13. paulo afonso disse:

    muito bom relembrar os velhos tempos; e quem ás tem mostrar mais fotos dos carros antigosé muito legal

  14. paulo afonso disse:

    alguem sabe me dizer sobre a escuderia pau na maquina , pois ésta tambem ganhou muitas gincanas na tv bandeirantes

  15. horácio disse:

    Eta época boa. Só quem viveu é que pode dar o valor quie ela merece. Sou amigo do Romeu desde 1962. Passamos por muitas coisas juntas. Inclusive as gincanas da Record. Lebro que fomos buscar o casal de anões ( João e Maria) no Aero Willys do pai dele ( Seu Pedro – grande Pedrão – fantásticop, aliás como toda a familia).
    Lembro tb de irmos buscar um carrinho de algodão doce, na Vila Olimpia. Trouxemos preso na traseira do carro.
    Foi uma gingana para ficar na história de São Paulo.
    Um abraços para todos que lembram desse periodo fantástico.

  16. Romeu disse:

    Lembrei mais.
    A Escuderia Aracá era do Jardim da Glória (Av. Lins de Vasconcelos) e se tornou muito forte com uma Equipe de Kart.
    Os Chevetes preparados pela Brandini correm hoje na Super Classic pela Escuderia Araçá.
    João Cezar, o Branquinho, não tinha veneno só o escapamento de Willys Interlagos e acessórios de época como as rodas cromadas Fumagalli, com tala 5 tambem do W. Interlagos, compradas na loja Pirani da Av São João (edif Andraus, famoso por um incendio de grandes proporções).
    O motor era original 850cc. valentes 31 cv e 3 marchas.
    Dava um boa briga com os Fuscas 1.200.

  17. Romeu disse:

    As gincanas da Tv Record fizeram sucesso nos anos 60.
    Os pedidos eram muito criativos, me lembro de coisas como um casal de anões, uma mulata de olhos verdes, um homem de realejo (com periquito e tudo) etc.
    Um das escuderias mais famosas (talvez a primeira a ser formada) foi a Araçá. Nesse meu Dauphine tinha um adsesivo dela, apesar de eu ter feito a gincana pela Hi-Fi.
    A Pepe Legal (vencedora de algumas gincanas) era a mais numerosa juntamente com Tarlauto (tambem vencedora) do bairro do Bom Retiro.
    Me lembro tambem da Escuderia Raposa do Jardim Luzitania (Ibirapuera).
    Alfredo Gehre e voce foi se lembrar do premio principal (a chave do carro) que estava com o morador de rua da Pca. Buenos Aires, que maravilha.
    Ô tempo bão!

  18. Victor disse:

    Devagar com o andor, temos a tendência de achar que o passado era melhor e diferente. Não era não. Essas escuderias eram bastante próximas das torcidas organizadas do futebol de hoje em dia. A maioria era de arruaceiros que ficavam inventando coisas de caridade para justificar suas estrepolias.

  19. João Kohl disse:

    Nessa época interativa, onde os amigos eram antenados mesmo porque não tinha internet, sabíamos sobre política e temíamos pelo Brasil, havia civismo e preocupação em ser um pouco mais culto, saber um pouco mais sobre tudo até para ter um papo melhor, além de curtirmos os clubes sociais, com as piscinas de dia e os bailes de noite. As gincanas eram eventos esperados com preparações antecipadas, como grandes festas e que uniam os adultos habilitados, pois sem carro e moto não se tinha gincana, com os jovens adolecentes loucos por adrenalina… E era muita adrenalina.

  20. Ricardo Beagle disse:

    Bem legal… tenho vaga lembrnaça sobre isso… pois nasci em 1962, lembro-me de amigos mais velhos que faziam coleção de “colantes” (adesivos plasticos) onde haviam alguns de “escuderias”…

    Hoje em dia???? nem pensar nisso… fico imaginando o que os caras deveiam fazer com esses carros pelas ruas de São Paulo no dia da gincana!!!!! Se fosse hoje seriam mais de 20 multass por carro…

    Abraço

    Imperador Ricardo Beagle Piquet

  21. Danilo Gaidarji disse:

    Meu Pai contou sobre as Gincanas.
    Uma das provas era encontrar algum japonês que falasse árabe. Conseguiu lembrar até o nome do cidadão, Sr. Hiroshi Saito.
    Outra prova, encontrar um casal que fizesse aniversário no mesmo dia.
    Seria legal se houvesse um “revival”, não acham??

  22. Chevette #8 disse:

    Flávio,
    Tenho grande curiosidade sobre essas “escuderias”, inclusive conheço o pessoal da escuderia Araça, que fez uma reunião este mês com participação de muita gente “das antigas”.
    Essa turma tem muita história para contar de uma época que não vivi, mas aprendi a admirar.

    Abraço,

    Adriano “Chupisco”….rsrsrs

  23. Helio Herbert disse:

    Fábio,assim como Lobão cantou em sua musica Chorando no Campo,”A noite alem da noite,me faz lembrar o que eu não vivi”
    muitos outros malucos também tem a impressão de que já estiveram em algum lugar ou que já tiveram algum carro antigo,portanto não perca tempo,compre um carro antigo e descubra todo o mistério que envolve o passado frequentando os encontros de autos antigos.Voçe será muito bem recebido por toda a nossa família.

  24. Eric disse:

    Puta show de foto!!!!!!!!!!!!

    Grande Romeu….porscheiro de carteirinha!!!!!

  25. vitão disse:

    Dú , o Romeu agora é tata desde pequininnho….mas tirando isso é um grande cara.

  26. LMenezes disse:

    Minha cidade, no interior do Paraná também teve sua fase de GINCANAS. Acho que hoje em dia, se fizessem umas dessas, iria acabar em quebradeira, pal qual briga de torcida de times de Futebol…

  27. Francisco J.Pellegrino disse:

    Em Santo André tinhamos duas escuderias: a LEÃO (era em uma padaria) e a SCORPIUS (em uma pizzaria)…Bons tempos….mas a Pepe Legal ganhava todas as gincanas.

  28. Claudio Paes Leme disse:

    A Record era uma Tv muitos anos à frente. Tinha os melhores shows trazia grandes nomes, esporte e ainda mexia com a cidade toda com as gincanas. Existe uma foto do Wilsinho Fittipaldi numa lambretta com uma menina na garupa numa prova. A kibon até tinha um chocolate chamado “ginkana”. Mas hoje na TV moderna se busca a “interatividade” ah, já entendi…

  29. Rodrigo Tossato disse:

    Vou enfatizar o pedido do Rafael Bruno, apesar de já estar na casa dos 30, nunca escutei falar destes “Escuderias”, adoraria entender como isto funcionava ou funciona…

  30. Belair disse:

    Signore Romeu,
    Eu,mesmo ainda criança ,era da escuderia Umbigo, a pequenina que ousou enfrentar a Pepe .Alguém mais aí sabe do que estou falando ? A gente fala sobre isso no sábado, Romeu.Abraço.

  31. Alfredo Gehre disse:

    Participei da Gincana da TV Record no ano de 1968 com um VW 1200 ano 64. Fizemos uma equipe com a turma do Mackenzie.
    Foi um dia maravilhoso e quase chegamos na final.
    Entre as tarefas :
    -Levar uma “bengala” (pãozinho) com mais de 2 metros de comprimento
    -Tirar uma foto com algum participante da Família Trapo.
    - Falar com o Sílvio Santos no seu programa e mencionar o número do carro participante

    O final foi encontrar uma chave do carro que era o prêmio . Foi encontrado com um mendigo ( ator de TV disfarçado ) na praça Buenos Aires na Av. Angélica – São Paulo

    Bons tempos…

    AG

    • Raul Elias Karam disse:

      O ator disfarçado era o Jô Soares. Fomos, meu primo e eu os primeiros a chegar na praça e vimos entre uns arbustos no centro da praça um gordo todo de branco. Foi uma festa, só que não estávamos participando desta gincana. Estávamos numa lanchonete na praça da república, a noite quando ouvimos pela Record a última etapa da gincana. O final era em frente ao estádio do Pacaembú e ao vivo. Tivemos que fugir por ter estragado a brincadeira. Muitos haverão de lembrar deste episódio.

  32. Conde disse:

    Eu tinha só 7 anos . Em Santos tb tinha um movimento de Gincanas , Escuderias e o pessoal curtia muito .
    A foto é demais : as lojas , os carros , a rua . Parabéns ao Romeu.

  33. Fabio Mantovani disse:

    Engraçado é ter saudades de uma época que eu não vivi.

    Adoro ver essas fotos, histórias.

    Estranho, né?

  34. Rafael Bruno disse:

    ps: meu pai fazia parte da escuderia “buzanfan”

  35. disse:

    Esse Romeu é maluco. Grande Romeu
    Vitão, o cara é amigão, e como todos amigos tem sempre um defeito……..

  36. Rafael Bruno disse:

    Alguem poderia falar mais sobre as escuderias? Nós mais novos não conhecemos..hehe
    o que eram elas?

    Abs!

  37. João Cesar disse:

    Romeu, fale mais sobre o “branquinho”. Tinha motor envenenado? Quais os acessórios que vc instalou ? Etc…

  38. Helio Herbert disse:

    O Romeu me fez lembrar do amigo Roberto Augusto Giusti da Pepe Legal por onde será que anda?Tinha também a B.U.D.A.M. Brigada Unida Durante A Madrugada.No Jardim da Saúde lembro-me da MIDRAJ.Da JASA lembro do lava rápido na av Cursino que usava o nome Lava-Jasa e que tinha a lanchonete do Issao que fazia um Yaki-soba divino que depois de alguns anos arrendei a lanchonete por um pequeno período e mais tarde começei a fabricar aquela que seri a ultima fornada dos Lorena GT.
    Obrigado grande Romeu por revirar o baú da minha memória.

  39. Gabriel 3 cilindros disse:

    FG eu sou da escuderia Pepe legal afinal sou da “Mooca Meu”!!…posso ver com os veteranos se eles lembram disso para contar sobre..que acha??
    abs

  40. Danilo Gaidarji disse:

    Meu Pai era da Escuderia Pepe Legal…
    Vou pedir para ele escrever aqui..

  41. mauricio santos disse:

    PERTENCI A ESCUDERIA JASA (JARDIM DA SAUDE) , ERAMOS UMA EQUIPE NUMEROSA , E BATALHADORA , ESTOU TENTANDO CONSEGUIR UM ARQUIVO DE FOTOS BEM INTERESSANTE , QUE SE ENCONTRA EM SÃO PAULO , SEMPRE APRESENTADA NO ENCONTRO ANUAL (PRIMEIRA SEXTA FEIRA DE DEZEMBRO NA CHURRASCARIA BRASA , NA AV. CURSINO).

  42. Hélder Aguiari disse:

    FG como faço pra te enviar uma foto de um Ford-1929 – lindão e um “Que-a-irmã-guia”! amarelo-chique…

  43. claudio bassi disse:

    A Escuderia Pepe Legal voltou aqui na Mooca.
    Tem encontros, eventos e o tradicional Adesivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>