MENU

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016 - 17:07F-1

SF16-H: CÊIS PENSA QUI NUM VI?

SÃO PAULO (bobinhos…) – Ah, agora, até segunda-feira, vai ser essa correria de carro novo aparecendo um a cada cinco minutos. A Williams mostrou o dela pela manhã, logo depois foi a vez da Ferrari. Tudo pela internet, sinal dos tempos de austeridade e falta de graça da F-1 — saudades daqueles lançamentos em Taormina, na Basileia, em Zurique, Mônaco…

Bom, o que me cabe neste feudo é analisar tecnicamente, com profundidade, cada um desses modelos de 2016. O nome de batismo da nova Ferrari é SF16-H, que parece nome de estrela distante, vírus ou substância usada em bombas caseiras. É óbvio o significado, e nem acho que precisava explicar, mas vá lá: Si Fudemo [em] 16 [corridas no ano passado] – [foi] Horrível.

Os caras acham que apresentam um carro dizendo que é “uma evolução, não uma revolução”, e pensam que a gente não repara nas coisas novas. Pois eu botei reparo. Observem atentamente a foto abaixo, em detalhes, e volto em seguida para a avaliação eletrônica, financeira, mecânica, aerodinâmica e meteorológica.

sf16hObservaram? Há muita coisa diferente e nada escapa ao olhar clínico de um jornalista experiente como eu. Vamos dissecar, pois, o novo carro de Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen para 2016:

- Acabou a tinta vermelha.

- Pessoal da pintura pegou virose e encheu o carro de cocozinhos.

- Asa dianteira foi inspirada em jogos de canaletas de parques de diversão do interior.

- Há dois recortes na asa traseira para facilitar o ato de empurrar o carro quando quebrar.

-  O “Claro” agora é pré-pago e sem pacote de dados, mas com torpedos ilimitados.

- Tinha um torcedor do Fluminense infiltrado na equipe responsável pelo layout.

- Não tem entrada USB.

- Raikkonen abastece em postos Ipiranga.

- Vettel não usa aliança.

Houve um esforço enorme para otimizar a passagem dos fluxos de ar da esquerda para a direita e da direita para a esquerda. Pelo menos foi o que me confidenciou um engenheiro de alta patente em Maranello.

43 comentários

  1. Paulo Pinto disse:

    Vermelho, Vitória e Vettel: combinação perfeita!

  2. Paulo F. disse:

    Muito empetecada.
    A dupla de pilotos anima!

  3. MMV disse:

    Tá muito enfeitada. Mas aquela cor branca na parte superior me lembrou (muito à distância) a número 12 do Lauda em 1975, o carro mais bonito da história da F1.

  4. guest disse:

    Mais enfeitado que penteadeira de…

  5. Garlet disse:

    No bom DESIGN menos é mais. Mas nesse ae o mais ficou menos.

  6. Valmir Lopes disse:

    Comecei a ler o texto e fui seguindo. Achei que era sério. Bolei de rir.
    Valeu de novo

  7. Jefferson Antonio Pereira disse:

    Flavião, o que significa o emblema da Alfa Romeo na carenagem do motor ?

  8. Henk von Guillier disse:

    Os testemunhos sempre marcantes e verídicos do Gola Profonda representam a única chance real de Kimi encerrar a carreira com ao menos uma vitória no ano e de Vettel brigar ponto a ponto com as Mercedes pelo título de pilotos.

    Volta, Gola Profonda!

  9. Fontana o Poderoso disse:

    Não gostei. Prefiro as Ferraris da época do Jean Alesi e a Ferrari de 2007.

  10. An0nimo disse:

    Mais proximo da Mclaren.

  11. Saima disse:

    Feia. Se queriam se inspirar nas pinturas dos 1970′s, deu muito errado.

  12. Marcelo Cesario disse:

    Flávio, o mais legal das apresentações dos carros, é o “pretinho” que eles usam nos pneus.
    Você sabe onde posso comprar???

  13. João Colatrello disse:

    Gostei do Simbolo da Alfa.
    Por sinal seria bem legal a empresa italiana fazer com que as equipes que usam o propulsor comprado dela usarem o nome Alfa Romeu

  14. Eltontoptec disse:

    Cara, nada a ver com o SF16H, mas o Rosberg andou com o mercedão novo dele e parece, veja bem, parece que o som melhorou, porém, pode ser desespero (meu) por excesso de otimismo, sei-lá…

    https://www.youtube.com/watch?v=vrqevR1A4ac

  15. Paulo Pinto disse:

    Vai estar bom demais se continuarem sendo a segunda força na categoria.

  16. Mustavo Gaia disse:

    só não notaram que vermelha e branca são as cores de uma marca de cigarro que tem vínculos com a escuderia.
    logo mais aparece a chiadeira da comissão europeia.

  17. Andre disse:

    Gostei…espero que consiga desbancar a MERCEDES e dÊ trabalho as demais…Vettel vem bem focado, vamos ver, de qualquer forma o visual agrada .

  18. Matheus disse:

    Não sou ferrarista e tenho que admitir: é uma das coisas mais feias que a Itália já produziu. Perde apenas para o facismo e para o Lamborghini Veneno.

  19. Elton disse:

    Flavio, não teve mais notícias daquele teu amigo espanhol fanático pelo Alonso, Máximo Bueno? As cartas dele chegavam seguido ao blog e ao GP no final da década passada, depois sumiram. Está tudo bem com ele? kkkkkk

    Tenta entrar em contato e trazer ele pro GP novamente. Ria muito com os comentários dele na coluna “Muy Bueno’”.

    Aproveita e pergunta o que ele está achando dessa fase do Don Fernando na Mclaren? E já que faz tempo que ele não dá notícias, pergunta pra ele o que ele achou da fase do Alonso em Maranello.

    #GPéoMáximo #VoltaproGPMáximo

    Agora sério, era muito divertido ler a coluna “Muy Bueno” no GP. Não lembro se era você, o Victor ou outro que escrevia, mas deveriam pensar em colocar essa coluna no ar novamente, até aproveitado esse teu estilo cômico de comentar as apresentações oficiais das. equipes.

  20. Edubassan disse:

    Gostei muito dessa nova pintura! O carro também ficou mais bonito com esse bico mamilo. Asa e suspensão dianteiras modificadas, além de um cofre de motor bem mais esguio. Tomara que ande muito para termos um campeonato esse ano!!!

  21. Jonatas disse:

    A turma da cosa nostra é chegada nesse tipo de coisa. O Gola Profonda declarou a um site de automobilismo que se baseiam em numerologia para nomear os carros, e deu exemplos recentes disso: o 248 F1 de 2006, F60 de 2009, 150 Italia de 2011, F138 de 2013, SF-15-T do ano passado, e agora SF-16-H. “Número em sequência não tem graça, e se a gente não encanta na pista, quem sabe conquista a simpatia do público com nomes criativos”, garantiu. Inclusive, ele falou que a equipe se consulta com numerólogos brasileiros responsáveis por trocas de nome de gente de peso como Cláudia Leitte, Sheron Menezzes, Patrycia Travassos, e Alinne Moraes.

  22. Irineu disse:

    Tem tanta aleta na frente desse carro, que se atropela alguém, sai Ruffles pela traseira.

  23. Daniel disse:

    como começa o ano
    1 – mercedes e ferrari
    2-williams force india e toro rosso
    3-mclaren e red bull
    4-sauber renaul e hass
    5-manor

  24. Chupez Alonso disse:

    A pintura da nova Ferrari foi inspirada no capacete do Ve44el?

    • Eltontoptec disse:

      Certeza. Ele vale a mudança. Agora, pode imaginar uma Ferrari com uma faixa azul ciano cortada de finas tiras amarelas e vermelhas…? Nada que acontece nessa terra é por acaso amigo, como vc diz, 10 years and counting…

  25. Claudio Aun disse:

    Até o momento o mais bonito da temporada 2016

  26. Alexandre Santiago disse:

    Vixi, com esses carros que estão apresentando me parece que teremos uma temporada 2015s

  27. Vinicius SS disse:

    Rapaz… Essa análise me lembrou demais as do Livio Oricchio. Parabéns :)

  28. Rubergil Jr disse:

    Fala a verdade, você conseguiu estas informações com o Gola Profonda, não?

  29. George disse:

    Mais uma análise perfeita!!

  30. Paulo disse:

    É o carro da Williams pintado de vermelho.

  31. Amaral disse:

    Concordo com todas as afirmativas, exceto com a última. Não há como afirmar com exatidão o não uso do artefato metálico, pelo fato de um dos quirodáctilos estar oculto na imagem. Mas, com certeza, o motivo do escamoteamento foi a otimização dos fluxos de ar, e, consequentemente, a otimização da potência gerada pelo KERS, pelo MGU e pela LDU. :-P

  32. Pedro Moral disse:

    A explicação do SF16-H foi sensacional …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>