MENU

quarta-feira, 20 de abril de 2016 - 19:43#69, Blog, Classic Cup, F-1

EXPLICANDO

SÃO PAULO (mais uns dias) – Há quem esteja estranhando o período meio errático deste blog nos últimos dois ou três meses. Menos posts, menos textos, menos fotos, menos análises, menos tudo.

Não se preocupem. Não estou abandonando este espaço. É algo absolutamente circunstancial. Ainda acho que um blog é uma ferramenta excepcional de comunicação. Meu jornalzinho diário, para falar de tudo.

Ocorre que os dias têm apenas 24 horas. De fevereiro para cá, além de todo o trabalho envolvendo o “Fox Nitro”, nosso novo programa de automobilismo na TV, posso elencar algumas outras coisas que andaram me tomando muito tempo e embaralhando minha rotina: começa na rádio, sai da rádio, lança o GRANDE PREMIUM, apresenta o “Paddock GP”, grava programa piloto, faz reunião, orçamento de reforma aqui, de mezanino ali, degustação do rango para os convidados, escolhe o lugar, a decoração, os convites, corre em Curitiba, corre em Interlagos, cuida do carro novo, edita vídeo, publica vídeo…

A coisa anda tão zoada que tem corrida sábado em Interlagos e nem avisei ninguém. E a filmagem da última etapa, que foi legal até eu quebrar, nem consegui postar (pelo menos está mais ou menos editada). Aliás, nem escrevi sobre a corrida, e nem vou ter tempo de escrever direito.

reduzida69bla

OK, resumindo: larguei em 12º na geral, tive uma boa briga com um Gol, um Fusca e um Uno, e estourou meu filtro de óleo a quatro voltas do final. Até transmiti ao vivo pelo Facebook, vocês viram? Vou tentar fazer algo parecido de novo.

Mas, sobretudo, o que arrebenta qualquer um é mudança. O que aparece de pepino para descascar é uma grandeza. Mas aparecem coisas legais, também, como reencontrar a Mayra, sobrinha do nosso querido Veloz-HP, que levou algumas coisinhas para a nova sede. Coisinhas do Veloz. Ainda quero abrir as caixas com cuidado. São três. E ainda rever a querida Eli que, do nada, me liga e ordena: “Vem aqui em casa pegar dois pneus de Fórmula 1!”. Fomos, estão lindos, serão mesas.

Enfim, assim que as coisas estiverem resolvidas, voltamos ao ritmo normal. Não briguem comigo.

Enquanto isso, leiam e comentem:

aloloooooo- Alonsito diz que prestígio vale mais que títulos e vitórias. Que muitas vezes, na F-1, o sujeito dá azar de estar na hora errada, no lugar errado — como agora, na McLaren. Que não dá para ganhar sempre. Que ser respeitado pelos pares já está bom demais.

E não é que concordo com ele?

moniiiiii- Monisha Kaltenborn, chefe da Sauber, já admite que uma venda para a Alfa Romeo pode ser a solução. Que a marca é importante, tem tradição, é capaz de salvar o time suíço da falência e ainda lhe emprestar uma grife importante.

E não é que concordo com ela?

rsb2111- Button sugere que alguém “de fora”, como Ross Brawn, assuma o comando da F-1 para escrever suas regras. Porque ninguém entende de nada, só fazem bobagens e alguém como seu ex-chefe tem conhecimento técnico para evitar que cagadas sejam levadas adiante.

E não é que concordo com ele?

49 comentários

  1. O Pitoresco disse:

    Só só eu ou mais alguém aqui é APAIXONADO pela Monisha Kaltenborn?

  2. Segafredo disse:

    Eu vejo algumas opiniões contrárias à Alonso aqui no blog, porém, muito mais que isso, identifico nessas opiniões, uma certa dose de ciúmes ou então uma certa animosidade que se origina na questão pessoal do piloto. Questionam seu caráter por causa de episódios como o GP da Alemanha de 2010 e antes disso o Cingapurate………..acho muito pouco, pois no primeiro caso tratou-se de estratégia(ou alguém aqui acha que Massa teria condições de brigar com a RBR em 2010?) e no segundo as ordens partiram de Briatore que assumiu toda responsabilidade(e foi punido) e se Alonso sabia da malandragem não foi ele quem executou…..foi beneficiado sim…mas não quem tomou a atitude! Então,sinceramente acho que julgar um piloto dessa forma mostra muito mais um certo recalque do que qqr outra coisa…………..Prestígio não é pra qqr um não………nrs. apenas não garantem admiração ou respeito. Caras como Vettel e Schumacher possuem nrs. expressivos, mas não tem, nem de longe, o carisma e admiração que, por exemplo, despertaram Alonso, Prost, Lauda, Senna e até mesmo Mansell(isso só pra ficar nos anos 80). Então acho que Alonso tem todo direito de “se achar”, pois provou por inúmeras vezes que foi e continua sendo o piloto mais carismático e completo desde que iniciou na Renault. Todo o resto é mimimi de torcedor recalcado que se apoia apenas em nrs ou estatísticas!!

    • Paulo Pinto disse:

      Opiniões contrárias existem e sempre existirão. Se todos concordarmos com tudo e com todos, aqui: então é melhor desativar o blog.
      Questionar o caráter de Alonso? Você só pode estar de sacanagem! Sem comentários.
      Se você não sabe ou não lembra, o jogo de equipe estava proibido em 2010. E a patuscada que fizeram era passível de punição. É, mas só puniam a Ferrari no tempo de sua estrela maior.
      O espanhol foi beneficiado e sabia da tramoia, quando largou lá de trás com o carro preparado para uma bandeira amarela em todo o circuito, num determinado número de voltas. O que os vigaristas não sabiam, é que a vergonha que estavam perpetrando, influenciaria o resultado do campeonato.
      Por favor, não compare Alonso com Lauda. É sacrilégio!
      Alonso continua sendo o piloto mais carismático e completo da categoria? Que continue assim, desde que os campeonatos passem ao lado dele!
      Bem, já que estamos falando do “Dick Júnior”…

      ALONSO É DEZ! (dez anos sem título).

  3. Paulo Pinto disse:

    Na falta de vitórias e títulos, prestígio!

    Quanto à champanhe, é só comprá-la de boa safra e estourar a mesma à beira da piscina.

    Simples assim.

  4. Fabrizio disse:

    Boa Flavio! Valeu pelo carinho com seus leitores. Gostamos de ler o que escreve, como escreve, não importa o assunto nem se concordamos ou não.

    Sobre a F1, penso que caras como Ross Brawn, Briattore, Peter Sauber, têm ainda mta lenha pra queimar, não estão velhos. A F1 perde mto sem esses caras participando de decisões, falando com o Bernie. Nada contra os almofadinhas de hoje em dia, mas são muito “engenheiros” portanto técnicos que pouco podem acrescentar ainda quanto ao show, ao esporte.

  5. Railand disse:

    Flavio, estou querendo ir em interlagos assistir a corrida, mas qual o horário da corrida da classic cup em Interlagos? procurei em vários sites e nao encontrei a programação da etapa

  6. Roberto disse:

    Alonso é o piloto mais talentoso surgido depois de Ayrton Senna.

  7. Matheus disse:

    Engraçado… Eu até acho legal o que o Alonso disse. Tem muito sentido e valor, e esse tipo de admiração não se conquista apenas com triunfos, vide Stirling Moss.
    Agora, me lembro que há menos de dois anos atrás, ele pensava bem diferente:

    http://grandepremio.uol.com.br/f1/noticias/muito-respeitado-alonso-afirma-que-preferiria-ter-sala-cheia-de-trofeus-a-sustentar-tanta-admiracao-na-f1

    Até aqui no blog essa notícia foi postada.

  8. RENE FERNANDES disse:

    Vai ser belo, recatado e do lar??

  9. Zé Pigossi disse:

    Olá Flavio, já que vc está com tempo sobrando,rsrsrsrrs., vou de dar passar uma dica por aqui.

    Na minha cidade tem um cara anunciando uma variant 73 cor de abobora 90% original, como sei que vc é doido por esses carrinhos, fica aqui a dica pra vc vir ver e tentar colocar na sua coleção.
    Obs. Ele pede $ 8.000,00.

  10. Clayton Araujo disse:

    Concordo com tudo! Alonso merece sim prestígio! Andou na frente quando teve um carro rápido e consistente e uma equipe na época muito competente. Ganhou várias corridas, fez várias poles, bateu o Dick vigarista várias vezes mesmo com suas sujeiras (classificação em Mônaco por exemplo) e foi Bi Campeão de forma incontestável. O que dizer então de grandes pilotos como Berguer, Couthard, e Gilles que nunca foram campeões?

  11. Fábio Metzger disse:

    Sonho meu.
    Sonhar não paga impostos.
    Alfa Romeo no lugar da Sauber.
    Aston Martin no lugar da Force India.
    Nada contra a equipe suíça, nem a indiana. Tudo a favor da história.
    Grupo Lotus batizando a Manor.

    Ferrari e Alfa Romeo; Mercedes e Aston Martin; e mais a Renault “puro sangue”
    O trio das tradicionais britânicas: Lotus e Williams de Mercedes, McLaren de Honda.
    Uma norte-americana, a Haas, de Ferrari.
    E as duas rubro-taurinas independentes: Red Bull e Toro Rosso, assim que tiverem consolidado a parceria com a Ilmor, construírem o seu próprio propulsor, tal como a McLaren fazia com a Porsche nos anos 80. Ou senão, a Toyota (ou qualquer outra) poderia aproveitar uma parceria (por que não, anos depois?)

    Volta o GP da França, consolida a evolução da Honda. A Fórmula-1 mais, digamos assim, “roots”. Nada como os 1970 e 1980. Mas um pouco mais carismática. As marcas que fizeram a história do automobilismo. E mais os norte-americanos, profissionais do ramo. Empreendedores de primeira como o Mr. Red Bull. E um garagista o Sir F. Williams. Será que não dá para pensarem nisso para os próximos cinco anos?

    Pode ter China, Cingapura, Malásia, Abu Dhabi, Bahrein. Tá bom. Nada contra. Mas que tenha França, Alemanha, Monza, Silverstone, Japão (que já paga a conta pela Honda e fornecedores), EUA. Interlagos (que paga a conta pelos pilotos patrocinadores e audiência), Mônaco, Canadá, México (idem ao Brasil), SPA, Barcelona (Alonsomania), Hungria (que paga as contas pelo público finlandês), Áustria (que paga as contas pelo Mr. Red Bull). Austrália.
    Cingapura e Malásia que revezem o Calendário no GP do Sudeste Asiático. Abu Dhabi e Bahrein, no GP do Golfo. GP da Europa tem que ser em Nuburgring, não em Baku. Que Baku, se reveze com Sochi, é lá do lado. que façam o mesmo, GP da Eurásia. Fica a China pelo mercado, e só por isso. Dá 20 etapas. E mantém a tradição de GP´s com corridas de 25 a mais edições em autódromos históricos, com equipes históricos. Dinheiro é parte do negócio. Mas sem alma, dinheiro é só meio de troca.

    Então é dois palitos, a Fórmula-E atrair centros tradicionais como Punta de Este, Long Beach, Miami e Buenos Aires. Marcas como a própria Renault, a Audi, a Citroen, e futuramente, a Jaguar e a BMW.

    A WEC sustentar a Audi e a Porsche, além da Toyota, da Nissan, da Aston Martin e da própria Ferrari. Em pistas como Le Mans, Estoril, Sebring e outras.

    A Indy segurar a Chevrolet, a Honda competitiva, e a Indy 500 que, por si só, é um campeonato.

    A NASCAR, “caipira” e provinciana”, segurando as bolhas Ford, Chevrolet e Toyota. E a Daytona 500, que a prova das provas, em 36 etapas.

    Nos anos 90, todo mundo era série B da Fórmula 1. Hoje, todo mundo é Liga Alternativa. Hulkenberg já cantou a bola no ano passado. O Montoya tem sinalizado. O Alonso não esconde de ninguém. E agora foi a a vez do Button falar. Quem tem fazer o regulamento é quem conhece do assunto. Quando tem muito piloto pagante, os talentos migram para outros espaços. Não dá para esconder o sol com a peneira.

    Bem me alonguei demais. Mas é bom deixar o registro…

  12. Mickey disse:

    Quanto ao Ross Brawn, ele poderia virar técnico do São Paulo.

  13. Alfredinho disse:

    Basta o Ron Dennys colocar o Massa no lugar do Button, pro Alonso terminar a carreira feliz da vida na McLaren.
    A Sauber podia se aliar a Manor pra ver se sai alguma coisa disso aí. A Alfa Romeo vai demorar e o tempo é curto.
    Eu acho que o Ross Brawn não volta por dinheiro nenhum.

  14. Kkkk! disse:

    Quando eu vejo o Massa superior ao Bottas, piloto dos melhores da nova geração, ou ainda, a dificuldade que o Vettel teve com o Ricciardo, que foi batido pelo Kvyat, ou até mesmo contra o Raikkonen esse ano, Kimi que foi espancado pelo Alonso, não tenho dúvidas que Alonso esta anos luz à frente de pilotos como o Vettel ou Bottas. Vettel, nunca mais fez alguma coisa que preste na f1 desde 2013, poderia ter sido vice ano passado, mas para os torcedores do alemão, ser terceiro é melhor que ser segundo. Por isso que Alonso ainda tem muito chão na f1. Vetteletes inconformadas e xingando histericamente, em 3, 2, 1… Só rindo mesmo, kkkk!

    • Paulo Pinto disse:

      “Alonso ainda tem muito chão na f1.”

      Concordo e estou torcendo por isso, Vicellez. É sempre bom dar umas boas risadas.

    • Giovanni disse:

      Parece parece um bom entendedor de disputas entre pilotos, tanto que para levantar a bola do Alonso, não comentou a disputa dele com o Hamilton e o Button.

      • Kkkk! disse:

        Hamilton copiava os acertos do espanhol, era protegido por Ron Dennis, e Alonso nunca havia guiado de bridgestone, normal ter um período de adaptação. Do meio do ano pra frente ele atropelou o inglês
        Ano passado, até o Japão, Alonso liderava, mesmo assim foi quem largou mais vezes na frente e quem trouxe os melhores resultados, na Hungria.
        Mesmo assim, Alonso nunca levou uma surra como a que o Vettel levou em 2014.

      • Alfredinho disse:

        Hamilton também copiou os acertos do espanhol em 2008, quando foi campeão?

  15. moisesimoes disse:

    - Alonso diz que prestígio é maior que campeonato. Orgulho asturiano em estado puro. Quer ser o melhor bicampeão que houve na F1, só pode ser. Ele quer dizer que com menos campeonatos, tem mais moral que Vettel ou Hamilton – esse comentário tem endereço claro e evidente. Está pavimentando o seu testamento para a aposentadoria. Quer ser lembrado como o cara que foi mais foda de todos os pilotos que correram contra ele. Mas não como um campeão que conseguiu bater um piloto com o melhor carro. Isso sim lhe daria moral. Se o melhor carro sempre foi o carro campeão, aí é outra estória, outra conversa.
    Se tivesse parado de correr após o bicampeonato, tudo bem, teria total respeito. Mas não vejo nenhum prestígio ser saco de pancada dos outros. E ainda levando porrada na costela. Vejo um piloto bem-sucedido pilotando a Mclaren e sendo muito bem pago pela Honda. Agora, ter prestígio de 2007 pra cá em meio a polêmicas, estratégias e ações nebulosas não é nenhum mérito. Bradar motor de GP2 na casa da Honda, só pra citar o menos polêmico, pra mim não é motivo de dá-lhe prestígo e respeito. Ao contrário, minam o que ele conquistou. E analisando de forma neutra, fez corridas memoráveis e mostrou qualidades do bicampeão que foi. O resto é babação de ovo.
    Ainda sim, dos campeões, não venceria com o mesmo carro Vettel e Hamilton (de novo). Derrotaria Haikonnen e Button. Dos novos pilotos, como Vetsappen e Ricciardo, dentre outros, não dá pra dizer. Talvez não teria o mesmo gás pra bater essa molecada. Pelo menos reconhece estar no lugar errado na hora errada. A culpa por não ter conquistado mais, é somente dele. E com saúde (pelo menos por enquant0) e uma conta gorda, ele e ninguém nunca se arrependerá de nada.

    - Uma pena porque gosto muito do Peter Sauber (uma figura muito simpática que me apeguei, quando era criança) e torci pra muitos pilotos da Sauber. Alesi, Villeneuve, Kubica, Massa, Kimi, Samurai Koba e Perez pelo menos que eu lembro… Como será o nome Sauber? Sauber – Alpha Romeo ou Alpha Romeo – Sauber? É porque já teve BMW -Sauber e Sauber-BMW correndo com motor Ferrari e Renault-Lotus, Lotus-Renault e Manor-Marussia só pra citar.

    - Concordo. Alguém de fora que é alguém de dentro.

    Obrigado pelo espaço.

    • Segafredo disse:

      O moisés…….tu tens certeza que assistisse aos campeonatos de 2005/2006…?

      A Renault não era melhor que Ferrari.

      • moisesimoes disse:

        Hehehe. Verdade. Realmente vi só algumas corridas… Esquecimento ou não, To ficando velho! Mas va la, lembro do Kimi estar muito bem em 2005 e o Shumi ter o motor espocado em 2006 no Japão. Se não fosse isso o Shumi seria 8.

  16. Mônica disse:

    Alonso é um grande piloto e um dos maiores da f1 dos últimos vinte anos. As decisões erradas, infelizmente, o fizeram parar no tempo. Recomeçar se tornou uma tarefa difícil porque seus adversários do passado recente que são Vettel e Hamilton, não vão lhe dar qualquer chance de brilhar. Como são mais novos, ainda ficarão um bom tempo no topo. Será que ele vai terminar sua carreira nessa McLaren GP2?

  17. Adriano disse:

    Flávio,

    Sei que o blog não “trata” do assunto, mas nenhuma linha sobre momento político atual do Brasil me causa surpresa.
    Diante do espetáculo circense que se viu na Câmara do Deputados sua opinião seria muito importante. Fica a dica…. E a cobrança;.

    Abraços,

    • Luís Almeida disse:

      Aqui de Portugal, onde praticamente todos os órgãos de comunicação social pertencem a somente duas empresas, por sua vez propriedade de pessoas muito mais à direita do que eu gostaria de ter no meu pais, e que, claramente, condicionam a forma como as notícias sobre assuntos políticos são (ou não) transmitidas, falta-me alguma profundidade na análise da situação brasileira, pelo que tenho esperado algum comentário do autor deste blog, o qual admiro bastante pela frontalidade e não só, comentário esse que me permitisse alguma contextualização e interpretação dos acontecimentos no vosso país.
      Mas também percebo que qualquer comentário poderia incendiar aqui o blog, sem benefício algum para o autor.
      Portanto, caro Flávio, o que quer que faça por mim estará bem.

  18. rama disse:

    E não é que concordo com tu?

  19. Sanzio disse:

    Posso assistir o casório? xD

  20. Márcio disse:

    E não é que também concordo!

  21. Mercedes 2016 disse:

    Massa diz que ponto fraco da Williams está no rimo de corrida e nos pneus

    Não seria ritmo ?

  22. Fernando disse:

    Oi FG,
    Sou seu fã te acompanho desde sempre e bla bla bla…
    Uma dica pro radio blog. Nem sou de ouvir rap, mas esse cara é bem legal e se vc nunca viu, tem que ver ate o final pra entender por que te mandei.
    Grd abs

    https://www.youtube.com/watch?v=TkonAFkDwOw&ebc=ANyPxKoJmp_SpSS6s51Z4oERgPMt-5Ho8eWJOQ4LhKJpnD3aVqDxUdh6Yd97Tlp5il8yxGf319lAYtLXO4xyzP_zrHWZhiKBxg

  23. Alberto Lopes disse:

    Por isso que o Senna é considerado o melhor pela maioria das pessoas que acompanham F1.

    Por isso que o Vettel, apesar de excelente, tem muito a provar, já que tomou pau do Ricciardo, que tem sérias dificuldades de superar um ainda mais novato chamado Kvyat.

  24. Celso Renato disse:

    Ver a Alfa Romeo (FCA) interessada na Sauber é um alento. Imagina se uma Hyundai se anima e compra a equipe e começa a batizar os carros de HB20…21…22…23 e por ai vai?

  25. Marcelo Aranha disse:

    Após o casório esse blog nunca mais será o mesmo… O FG vai ter que dormir mais cedo, vai faltar em algumas provas da Classic, ajudar com a louça…

  26. Paulo Pinto disse:

    Prestígio vale mais que títulos e vitórias? Se é assim, por quê ele quis tanto a vitória no GP da Alemanha/2010, que inclusive não lhe pertencia? E o “prestígio” por ter participado do Cingapuragate?

    Estar na hora errada e no lugar errado? Vejamos, na hora errada: 2010 a 2013 (surra homérica). E no lugar errado: Atrás do Petrov… na trajetória do Grosjean…

    Não dá pra ganhar sempre? Está ganhando, sim! Na tarraqueta…

    Quer ser respeitado pelos pares? Um piloto que se acha e que sempre humilhou seus companheiros de equipe (com exceção de Hamilton e Button, que não são bobos), não merece ter pares.

    • Thiago Moyses disse:

      Mas ele é respeitado pelos pares! É exatamente disso que ele falou. Além do mais bem pago, sendo respeitado pelos patrões também que só o alfinetam quando ele abandona o time. Os demais pilotos do grid, incluindo Hamilton e Vettel, o respeitam muito! Talvez você não or espeite, parte do público, mas ele se referiu aos pares com quem ele tem relação, inclusive saiu para jantar com eles recentemente.

    • Giovanni disse:

      Bem lembrado esses episódios do Alonso!

      Embora eu concorde com a opinião do Alonso, é muito claro que ele está sendo incoerente com o seu passado. Pode ter mudado? Pode, mas pra mim só demonstra que ele só pensa assim hoje por ser mais conveniente a ele, o que demonstra ser o que sempre foi: um egoísta.

  27. Tiago disse:

    1 – Alonso: Concordo;

    2 – Monisha: Concordo;

    3 – Discordo. Prefiro ver o Ross Brawn na McLaren.

  28. R/T disse:

    Que saudade do amigo Veloz
    Lembro de quando estavanos pra ir, eu e um amigo, a Recar falar com o Zezinho sobre uma CB 500 K2 deste amigo, e o Veloz, Leandro Alfonso, gentilmente perguntou se precisavamos de lugar pra ficar e nos ofereceu estadia em seu ap, acho que em Indianópolis, educadamente dissemos que era apenas um bate e volta

    saudade tambem dos relatos de suas viagens com a 1000 RR que ele tinha, mexida e equipada com uma ponteira Scott

    divergiamos politicamente, mas no geral era uma grande pessoa …

    abraço, FG

  29. edubassan disse:

    Alguém poderia responder ao espanhol que ele só conquistou tal posição justamente por ter 2 títulos e muitas vitórias. Ou será que ele acha mesmo que gozaria de tamanha moral sem suas conquistas, mesmo que elas estejam em algum passado já distante?

  30. Ton Welling disse:

    E não é que concordo contigo?

  31. kkkkez Alonso disse:

    “Aos 34 anos, o espanhol possui uma carreira vitoriosa, marcada por dois campeonatos mundiais e três vices”

    kkkkkkkkkk

    Eis o maior vice campeão de todos os tempos!

    Li em outro artigo que Viceonso afirmou que dos 5 anos que esteve na Ferrari, em 3 chegou à última corrida liderando o campeonato.

    Seria Alzheimer precoce motivado pelos constantes acidentes?

    Ser reconhecido mais pelo que não conquistou do que pelo que conquistou é o mesmo que ter prestígio pelo tanto de fora que levou.

    Chuuuuuupa Allonzo!

    Tetra é luxo.

    Allez Mão!

  32. Thiago Leal disse:

    Demais, essa figura do Alonso Humildão!
    Por aqui, Alonso sempre teve a imagem de vilão, por sua marra (e Ayrton também não era marrento?), pelas caras de poucos amigos e sorrisos (supostamente) arrogantes, pela brinca com o Hamilton, por ter sido o cara do “Cingapuragate” e por being faster than Felipe. Por muito tempo comprei essa versão. É sensacional ver o Alonso vivendo a pior fase da carreira e, mesmo assim, mostrando bom humor nas brincadeiras e humildade nas entrevistas. É um belo exemplo pra muito esportista por aí.

  33. julio disse:

    Cara nao sou puxa saco, mas parabéns pelo trabalho voltado ao público do automobilismo, paddock gp,, nitro, grande premio, grande premium, obrigado!!!
    Por isso dá perdoar o blog….
    Ah! O fox sport radio é muito engraçado.

  34. clodoaldo disse:

    falando de f1 acho que desgostei de vez só assisti uma apos anos acordando de madrugada se fosse preciso entrava todo dia no grande premio e após mais de uma semana aqui entrei só pra ver seu blog gosto de algumas coisa que escreve mas se a f1 esta melhor que ano passado acho que já é tarde pelo menos pra mim

  35. Diego disse:

    E não é que concordo com tudo também?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>