MENU

domingo, 13 de novembro de 2016 - 21:56F-1

ENTRE OS LAGOS (24)


SÃO PAULO (parabéns por tudo)Foi melhor para Felipe Massa bater onde bateu do que terminar a corrida em décimo, oitavo, sei lá. O abandono na volta 47, depois de beliscar uma zebra interna na subida do Café, balançar e aquaplanar, largou o piloto diante das arquibancadas que, nos últimos 15 anos, se acostumaram a vê-lo na labuta pela Sauber, depois Ferrari, por fim Williams.

E foi ele o responsável pelas últimas grandes alegrias dessas arquibancadas de cimento carcomido e pintura descascada, ao vencer o GP do Brasil em 2006 e 2008. Portanto, nada como se despedir delas de perto, sem capacete, olho no olho.

Felipe saiu do carro, acenou para a torcida, apareceu uma bandeira brasileira, se enrolou nela e chorou. Foi chorando que passou pelos boxes da Mercedes, e todos os mecânicos saíram de dentro da garagem para aplaudi-lo. O mesmo fizeram os amigos da Ferrari. Em sua direção, Raffaela, a mulher, e Felipinho, o filho, vieram para abraçá-lo e beijá-lo. Massa chorou tudo que tinha direito. A corrida, naqueles poucos minutos, perdeu importância. Era a despedida de alguém que fez deste autódromo uma casa, no começo da carreira, e um palco, no final.

Ternura, carinho, gratidão, amor, tudo isso se misturou nos beijos, abraços, aplausos e lágrimas. Felipe, provavelmente, nunca mais vai correr em Interlagos. Seja qual for seu futuro, ele não passa pelo autódromo paulistano. As categorias que cogita são o WEC, o DTM e a Fórmula E. Nenhuma delas tem o Brasil na rota. O mais provável é que caminhe para os carros elétricos. Interlagos, de novo, só se for de brincadeira, ou convidado para alguma prova nacional.

Felipe ainda tem mais um GP pela frente, mas Interlagos é que teve cara de despedida. A próxima será em Abu Dhabi — distante e fria, sem o calor dos torcedores. Missão cumprida, pois. E se é verdade que sua corrida hoje esteve longe de oferecer alguma perspectiva razoável de bom resultado, não é menos verdade que o destino acabou sendo generoso com o abandono na reta dos boxes. Ninguém gosta de bater o carro. Mas se tiver de acontecer, que seja assim.

45 comentários

  1. ags disse:

    Se o final desse pigmeu valeu algo.. é estranho.
    É como um time que pra ser campeão precisa de 1 gol..mas prefere perder de 2 gols e sair com pinta de campeão..
    O pig nunca foi piloto de nivel.. ele teve chances..com a SF..MAS SABIA QUE NUNCA IA SER PILORO favorito pois nunca teve culhão.. é fraco. triste..sem noção…
    Se ele é considerado PILOT.. com maestria..imagina..Hamilton.Max..Alonso..
    ou então.. Ayrton. Shumi..Clark..Hill..etc etc..nunca foi pilot foi sim tosterona da Tv Esgoto…

  2. Ulisses disse:

    Foi uma bela (e merecida) despedida, sem dúvida, e para aqueles brasileiros que não gostam de pilotos brasileiros e/ou nada do Brasil, talvez uma das mais emocionantes despedidas de um piloto na história da categoria!
    Felipe tem um belo retrospecto, foi o 4º piloto (se não me engano) que mais venceu pela Ferrari, atrás “apenas” de Schumacher (72), Lauda (15) e Ascari (13), definitivamente, sempre leal e rápido.

    Sem dúvida de que ele foi um daqueles ótimos pilotos que passaram pela categoria!
    Títulos? Ontem Felipe recebeu das arquibancadas e, outro dos Boxes, um título que pouquíssimos conseguiram, independente da sua opinião, ou da minha!

    Tomara que ele vá acelerar no DTM!

  3. Eu estava lá, no A.

    Ao lado da minha noiva e parceira e de meu amigo, estava lá na gelada arquibancada, molhado até a alma que se ensopava desde as 8:00h da manhã, com frio e fome (maldição não deixarem entrar com comida na corrida, em tempo).

    Vou a Interlagos desde 2012 e ontem foi algo especial.

    A F1 é o mote, mas a despedida de Massa era o algo a mais da emoção deste domingo em Interlagos (muito cheio, mesmo com chuva, até o final).

    Eu olhava para a entrada da reta, longe de onde estava, quando de repente falo para a noiva e amigo: “Massa rodou… puts bateu!… Puta que pariu!”

    Ai, como Bottas vinha colado na volta anterior, ficou a esperança de ter sido o Finlandês que tivesse batido logo após supostamente ter passado o brasileiro… mas tinha sido Massa…

    A ficha caiu… e vi Massa passando à minha frente e não aguentei, fui pro alambrado sozinho e chorei vendo ele chorar… que história bonita desse cara…

    Gritei muito alto: “Valeu Felipe! Valeu Felipe!”, bem na hora que ele olhava pro chão chorando… ele olhou pro meu lado e deu um tchau… pode não ter sido pra mim, mas pra mim foi pra mim o seu “de nada” através de um tchau…

    Quantas e quantas vezes me prendi a noticias, textos, videos e corridas por esse cara, que nem sabe quem eu sou, mas que sempre teve meu respeito e torcida.

    A gente se identifica com estas pessoas que gostam do que a gente gosta e conseguem obter o sucesso onde a gente gostaria de obter.

    Sem conhecê-lo, apenas pelo que leio e vejo, Massa é um grande pai, um grande filho, um grande marido, um grande companheiro de equipe, um grande funcionário, um grande amigo e, principalmente, um grande piloto, apesar de alguns imbecis o rotularem com o contrário, só porque não foi campeão.

    As imagens que vi depois no VT da corrida que gravei, comprovam isso.

    Uma pena que a F1 perca um cara como esses, assim como também perderá Button, mas que bom que a F1 teve um cara como Massa… Chegou a hora de parar e parou.

    De mim, fica um:

    “Valeu Felipe! Valeu Felipe!”

  4. Paulo Fonseca disse:

    Prezado F&G : Massa teve uma carreira com grandes oportunidades,a melhor de todas foi na Ferrari,mais o azar lhe tirou um título merecido,o Azar enfiou um mola na testa,o melhor momento são as duas vitórias em interlagos, só grandes campeões conseguiram Emerson, Piquet e Senna. Rubinho jamais pois a mão na taça em interlagos, digo vencer. Massa, correu com os grandes talentos na Pista Michael S. ,El Fodon , Mika H. ,Vetel ,Hamilton, foi um piloto bom, mais não conseguiu espetar um título, como Buton,Vileneuve, Roseberg, e o Leão.Foi um bom segundo piloto.

  5. Leonardo Silva Conrado disse:

    Uma música em homenagem a Felipe Massa.

    https://www.youtube.com/watch?v=42gQgy9FZLk

  6. Brabham-5 disse:

    Só faltou dizer que foi como o milésimo gol de Pelé.
    De penalti pois “todos tinham que parar para ver”.
    Meo deos, gente. Viúvas e saudades do Felipe Massa?
    É muita “segunda divisão” mesmo.
    Em 3 anos, ninguém mais se lembrará de Massa na F1.
    Vão confundi-lo facilmente com Barrichello.
    Querem apostar?

    • Luiz Guimarães disse:

      Foi só o quarto com mais vitórias na história da Ferrari.
      Foi só o de maior desempenho entre os brasileiros em Interlagos na F1.
      Jamais será esquecido.

    • moisesimoes disse:

      - “Ninguém”? Fale por você que deve sofrer de amnésia. Eu lembro de José Carlos Pace, o campeão sem títulos – Sir Stirling Moss, Gilles Villeneuve, Stefan Bellof, Jack Ickx – que foi vice de Ferrari mas venceu Le Mans e com o lindo Posche Martini. Lembro de Ricardo Patrese, do talentoso Jean Alesi, Berger e sua vitória monumental de Ferrari na Itália em 1988, do Sarotu Nakagima, do Panis, da primeira vitória de Barrichelo na Alemanha, da primeira vitória de Robert Kubica, da vitória de Massa em 2006 em interlagos, de Alex Zanardi, Kobayashi, Montoya, Webber …

      Ué? Com quem estou falando mesmo?

  7. Robson Leandro da Silva disse:

    A gente que acompanha esse esporte alguns anos (eu desde 1983) sabe muito bem o quanto existe um esforço absurdo de tornar a imagem da categoria fria e calculista. Nesse contexto sabemos que por mais que os boxes estivessem fechados os mecânicos não podem sair de suas posições.

    Portanto, não foi pouca coisa ver os caras da Mercedes (por onde ele jamais correu), os da Ferrari (que simplesmente adoram o Felipe), e todo o pitwall parar para aplaudir e abraça-lo na minha opinião encerra qualquer discussão sobre o quanto Massa foi importante pra F1.

  8. Carlos Preto disse:

    Flavio, sem muitas palavras, acredito que você resumiu poeticamente a despedida de Massa quando escreveu: “Era a despedida de alguém que fez deste autódromo uma casa, no começo da carreira, e um palco, no final”. Show…

  9. edgard piotto disse:

    um capricho do destino essa batida no lugar q foi..

  10. ags disse:

    O Pigmeu bateu sózinho..nem viu que estava na faixa de limite do muro.. é muito ruim no molhado..leva ele correndo pra fazer revisão dos olhos..ele não tem visão 100% é um crime soltar um senhor desse em uma competição..ele é 171 na FIA…
    O cara lambe o muro.. perdeu os sentidos por 45s ou mais.. ficou depois sem saber quem ia afanando o capacete..não tinha condições d largar pois ele não tem capacidades.. de levar um carro mesmo que seja um Uber.. a Tv Esgoto fez mierdas na cabeça desse sr.. falando que é horna nacional..que mierda.. O bresil é mico no mundo do esporte a motor.. para de viver de passado..
    Sr Massa.. aprende uma coisa.. …tem 4 anos que o sr não sabe o que faz na F1..HEY MA..VAI PENDURAR O CAPACETE.. so long lazy boy

  11. Moy disse:

    Famoso chorando ao vivo? A globo pira!

  12. Fernando disse:

    Massa não é um Gênio da raça, é um ótimo piloto não mais que isso.Sofreu muito com o faster than you, mas ontem provou que ama o que faz, e por causa do choro subindo a pé a entrada do box, emocionou a todos e fez até com que outras equipes o aplaudissem de pé, isso mostra o seu caráter e o AMOR pelo esporte.

    Grande Massa , que se divirta muito , agora em outras pistas!

  13. Eduardo Britto disse:

    Foram quatro anos de resultados pífios… Infelizmente o piloto não foi mais o mesmo depois do acidente, e isso precisaria ser bem analisado. Um GP atrás do outro com problemas, erros, falta de sorte… Não é assim que se escreve a história de um grande piloto. Parece ser um grande cara, reconheço, mas como piloto, não ficou acima de Barrichello…

  14. O Massacrado acabou fazendo do Limão uma Limonada aproveitando o gancho da corrida parada por ele mesmo para se despedir. Faltam só 15 dias pra isso tudo acabar de vez em Abu Dhabi.

  15. Marcos Abreu Ferreira disse:

    Flávio

    Por que ninguém falou sobre o fato da esposa dele e do filho dele andando no pitlane durante a prova? Será que a FIA vai fazer vistas grossas para isso? Uma criança no pitlane já é perigoso, ainda mais com corrida rolando, mesmo que sob intervenção do Safety Car…

  16. Eduardo disse:

    Ok….. a Formula E realmente é uma tendencia num futuro de médio prazo …… mas o cara sair de uma F1 onde pilotou durante 10 anos a quase 350 km/h pra pilotar a 200 km/h é um retrocesso, com certeza o WEC e a DTM trariam mais adrenalina a vida do Massa

    • Wanderson Marçal disse:

      Eu falei isso no primeiro post… Puta desperdício. E a meu ver DTM é fim de feira também. Negócio seria Nascar, Indy ou, vá lá, WEC. Massa é novo. Teria tempo de se refazer e galgar algo legal na carreira. Falta um pouco de ambição e ovos.

  17. Paulo F. disse:

    A despedida de Massa foi um momento de extrema dignidade !
    Aquelas palmas não foram ensaiadas.

  18. disse:

    Sem mais.
    “Missão cumprida, pois.”
    A trajetória do Massa, envolvido numa F1 moderna onde entrou como Piloto Ferrari após ter sido Campeão em categorias de acesso.
    Esse moleque que outro dia estreava na Sauber, hoje em Interlagos, nosso templo teve seu momento doido, desfilando, sendo aplaudido e abraçado pelas equipes em PLENA CORRIDA de F1, com os boxes abertos. Mitou e de boa soube encerrar seu ciclo na F1.
    Uma vergonha o Brasil ter Emerson nem dando as caras na mídia, como Barrichello e mais ainda Piquet, mesmo estando no autódromo até sábado, não aparecer com Massa, afinal foi piloto Williams. Equipe do Frank, que deu carro ao José Carlos Pace na F2. Isso pode explicar o momento que vivemos na F1. Massa foi o Piloto Brasileiro que mais respeitou seu público e manteve a humildade. Ponto Final.

  19. Andre disse:

    Massa chorão….francamente a Rede Globo fez media em cima de um piloto que jamais foi campeão, não esta se apostentando da F1 porque quer, mas sim porque falta carro e nenhuma equipe lhe deu outro assento.
    Tenham certeza que a Williams de 2017 vai dar trabalho nas mãos de novos talentos.

  20. Thiago Elero disse:

    Hoje eu chorei vendo o Massa, não só por sua despedida, mais sim como uma despedida de um automobilismo nacional que sempre teve força na F1, e que com ele se vai.
    Sim vamos ter mais brasileiros na F1, mais não na mesma intensidade e força, Vai aparecer alguns gatos pingados com sobrenome famoso, mais a antiga escola de formação não existe mais, infelizmente.
    Mais sou apaixonado pela automobilismo, e vou continuar vendo do mesmo jeito apaixonado, por que não torcemos para um pais, sim pelo esporte.
    Mais que faz falta um nome conhecido, isso faz…

  21. José Ademar disse:

    Flávio Gomes,em primeiro lugar desculpe estar incomodando com essa pergunta.

    Seria possível informar o público presente no autódromo de Interlagos hoje,13/11/2016,para poder fazer um comparativo com o GP de Valência/Espanha de MotoGP onde o público foi de 110.050 pessoas no circuito? Esse público venceu o de Assen na Holanda que era de 105.000 e o de Mugello que foi de 100.496 pessoas no dia da corrida,todos somente em 2016.

    Será que a Fórmula 1 recebeu algum público assim no decorrer do ano,público acima de 100 pessoas no dia da corrida?

    Será que deu mais gente em Interlagos do que no México?

    Obrigado.

  22. valter disse:

    Quis o destino que a sua corrida de despedida da F1 em Interlagos fosse tão emocionante. Sua rodada provocou a mais bela homenagem que um piloto poderia receber.

  23. Leandro disse:

    Realmente Flávio, acho que ele teve muita sorte de bater ali e o safety car entrar, com a corrida parada pudemos (telespectadores) acompanhar tudo. Caso ele tivesse terminado a corrida ou abandonado em outro lugar que não necessitasse do carro de segurança, acho que perderíamos esta calorosa despedida que ele recebeu hoje.

    Foi muito tocante, uma corrida de bons personagens essa.

    • Douglas Arruda disse:

      Estou nos Emirados Árabes Unidos assistindo a transmissão pela Sky Sports. Eu vi alguns debocharem do fato do Galvão Bueno ter se emocionado, mas os narradores ingleses choraram também, foi um momento ímpar. Martin Brundle comentava na transmissão que jamais tinha visto algo parecido com aquilo… Os boxes seriam reabertos e a despedida do Felipe era o foco ainda com a corrida em curso. Foi realmente um momento muito bonito.
      Espero ter a chance de ver o Felipe Massa no circuito nesta derradeira vez Abu Dhabi.

  24. A corrida tava sem grandes emoções devido à chuva que impedia os carros correrem. Começou a ficar boa à partir da batida do Massa que parecia coisa de teatro: bater na frente dos boxes, safety car que o permitiu ir a pé até os boxes da Williams e ser cumprimentado por todos no caminho, pois o pit lane estava fechado.
    Ainda vimos o show espetacular do Max Verstappen passando todo mundo de todas as formas possíveis.
    Estas duas coisas transformaram a corrida do Brasil, chata até o momento, a melhor do ano para mim.

  25. CLAUDIO O GRANDE disse:

    CONCORDO PLENAMENTE FG!
    Se o felipe massa tivesse ido até o fim dever terminar em 12º a 14º na melhor das hipóteses e aí sim seria um vexame, terminaria a corrida e iria direto pra casa cabisbaixo e não faria sentido toda aquele apelo emotivo feito por ele e que foi seguido pela maioria. Em Abundabi sera uma corrida menos emotiva, felipe pode tentar superar o alonso, mas também pode ser superado pelo Sainz, vamos ver o que vai dar…Repito, o auge da carreiro F1 do felipe foi 2008, depois foi de médio pra ruin, mas 2008 foi o ano dele, deveria ter sido o campeao no lugar do hamilton que levou o campeonato na lambuja porque o piquete junior se vendeu…..todos lembram dessa injustiça pra cima do massa em favor do hamilton…. Mas a vida segue e depois disso massa nao conseguiu mais se destacar.

    • Edward Fernandes disse:

      Com certeza a mola prejudicou a sequência de sua carreira.

    • claudio conrak disse:

      Só complementando sobre a sorte do massa: sorte dele ter batido sozinho bem na entrada dos boxes, assim chegou logo nos boxes e a entrada aos boxes foi fechada e assim o cortejo funebre do massa chorão pode desfilar no pit lane, já pensou se massa bate longe dos boxes e os boxes ficassem abertos…. seria uma saída lastimavel de sua ultima corrida no interlagos, mas assim ele saiu triunfante se assim podemos dizer, ou seja, foi ovacionado e tudo mais, e como os boxes fechados e safety car a globo ficou so mostrando o massa chorando, parecia uma novela mexicana…. e o massa e a mulher dele quase esqueceram do filho!!!!!……
      THANKS MASSA !!!
      Posso estar errado mas a carreira de massa deu um grande impulso quando foi contratado pela ferrrari embora para ser descaradamente o segundo piloto, e o auge foi 2008, depois ele foi um piloto apenas participativo, o reginaldo leme, naquele padrao global de puxasaquismo, autopromoição e rasgação de seda, falou que massa foi a maior personalidade dentre os pilotos da F1, discordo, massa pode ter sido o melhopr amigo dereginaldo, mas isso nao o faz melhor que os outros, massa na verdade foi muito submisso e titubeou muito e sempree escondeu isso, não admitia sua limitaçoes e se fazia de importyante, mas quem sabe um pouco de f1 sabe observar bem isso…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>