MENU

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017 - 21:20Enigmas & desafios, Legião urbana

ENIGMA DO DIA

SÃO PAULO (nunca vi) – Recebo a mensagem da moça, que reproduzo:

Olá Flavio, tudo bem? Sou leitora assídua do blog e queria descobrir que “macchina” é esta. Achei esse brinquedinho estacionado numa viela em Roma. Não havia nenhuma identificação visível de fabricante, e o detalhe da dobradiça improvisada foi o que mais chamou minha atenção. Grazie mille, Vera

Vera Peres é o nome dela. Confesso que o carrinho é um mistério. Alguém conhece?

emroma

27 comentários

  1. antonio stricagnolo disse:

    Tudo é uma questão de datas,ou esse italiano copiou o Anisio ou vice versa !!! Já vi algo parecido que ganhou premio de desenho numa universidade americana.
    É o caso do Brasinca versus Jensen,nesse caso embora o Jensen tenha sido lançado depois é sabido que a turma de projetistas do Uirapuru já tinham feito uma visitinha lá no carrozzieri na Italia.

  2. PRNDSL disse:

    Não é um daqueles “carros sem licença” (de motorista) que existe (tia) na França?

  3. Antonio Seabra disse:

    Andando a pé por toda Roma, em todas as vezes que la estive, vi diversos tipos e modelos de minicarros, como esse. A maioria com aparencia de carros feitos em pequenas fabricas, em produção semi artesanal, ou no maximo, numa empresa como a Gurgel. Em geral são de fibra, com acabamento de carroceria bem ruim (folgas entre portas, etc) e qualidade de design algumas vezes sofrivel.

    Rodando, alguns tem barulho de cortador de grama, maquina de costura ou algo parecido. Já vi alguns automaticos. Mas. todos são nessas dimensões que permitem estacionar na perpendicular ao meio fio.

    Antonio

  4. Paulo F. disse:

    Olhei esta coisa e deu uma saudade doida de meu Dodge Dart vermelho!!!

  5. Cristiano disse:

    Daqueles microcarros (tem hífen?) que se encontram nas metrópoles europeias. Sobre a forma de estacionar reza a lenda que em vários países podem ser estacionados como motos, por conta do tamanho, e que a Mercedes tentou algo junto aos órgãos de trânsito do Brasil para que o Smart pudesse ser estacionado na perpendicular das calçadas, mas nada feito.

  6. Zé Clemente disse:

    Seja lá que diabo for, parece cópia de desenho do Anísio rss

  7. Richard Baggs disse:

    Esse da foto é um Ecovel de 70cc. Um setentinha.

  8. Helmut disse:

    Não seria umG-Wiz? Carro elétrico britânico.

    https://en.wikipedia.org/wiki/REVAi

  9. Richard Baggs disse:

    A ligier, a mesma das pistas, fabrica microcarros como este desde a década de 1980. Inclusive tem um modelo quase idêntico, mas não é o mesmo. Na França existem uma dezena de marcas de microcarros, o que deve se repetir por toda a Europa.

  10. Diogo Batalha disse:

    Flavio, aqui em Portugal existem carros semelhantes e são chamados de Mata-velhos.

    Moro em Lisboa há 2 anos e logo que cheguei notei que, nas cidades aos arredores (em Lisboa é proibido circularem pelo centro carros com mais de 17 anos) sempre via esses minicarros, com barulho de moto, até que me explicaram o que era:

    Se chama Mata velhos, porque, no inicio, era usado pelos idosos que nao tinham mais idade para ter carta de motorista. Então, vemos muitos idosos conduzindo esse carro: https://www.youtube.com/watch?v=4xFQ8A1h98k

    E se chama Mata-velhos porque era o carro que iam usar até morrer (já que nao podiam ter outro carro) ou pela baixa segurança dessas máquinas construidas com motor de quadriciclos.

    Atualmente, muitos adolescentes também utilizam o carrinho, já que não é preciso carteira de motorista. Mas esta é uma preocupação maior para o governo.

    Idosos, por mais limitações físicas que possuam, tem consciência de velocidade e afins. Jovens imprudentes não. E o que acontece quando você junta putos de 16 anos e um carro com nível de segurança de ZERO ESTRELAS na EuroNCAP? A cada seis acidentes, seis mortes dos condutores.

    http://observador.pt/2016/07/18/mata-velhos-e-novos-tambem/

    Não sei se este da foto é como os daqui. Mas espero ter ajudado de alguma forma, nem que seja só por curiosidades.

    Abraço deste leitor assíduo.

  11. Renato de Mello Machado disse:

    Fantástico! Carrinho simples e funcional.

  12. Luciano disse:

    Ovomovel. Muito o popular entre os granjeiro da década de 90. O outro viraram omelete.

  13. Clayriston Alves disse:

    O carrinho aparece em muitas fotos pela Europa, o danado é pequeno, pequeno mesmo. E olha só, é filhote de Lamborghini. O bichinho é um Town Life, eles tem dois modelos o Ginevra & Helektra, deem uma passadinha no site deles, bem simpático o mocinho.

    http://www.townlife.it/

  14. Watkins Glen disse:

    Lembra os carros elétricos compartilhados que existem em Roma… Devem ser montados na Romênia ou Índia pelo acabamento tosco e pela quantidade de cidadãos dessas nacionalidades que existem por lá !!!
    Quanto ao estacionamento “de frente” a calçada, e a coisa mais normal do mundo encontrar na Italia, ainda mais em Roma onde carros, motos, scooters parados no meio da rua e em cima das calçadas são freqüentes.

  15. Thiago Leal disse:

    Googleei pela foto e encontrei apenas outra do que deve ser esse mesmo carro, aparentemente de 2012, curiosamente estacionado exatamente da mesma forma e de um ângulo muito parecido com o que a Vera tirou. Então, o que é, continua sendo um mistério (um protótipo de smart car?), mas chamou a atenção de pelo menos mais alguém neste mundão virtual. Dificilmente aparecerá alguém com a resposta, a não ser que interrogue o proprietário.

    (Tentei postar esse comentário agorinha e deu erro, então estou tentando novamente. Se for repetido, favor desconsiderar)

  16. Marcelo Witt disse:

    Deve ter sido a inspiração para o Dacon 828. Mas o que me chamou a atenção é a forma como está estacionado!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>