MENU

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017 - 13:34Automobilismo brasileiro

TRETA NA TRUCK (2)

SÃO PAULO (só faísca) - Muito dura a entrevista de Felipe Giaffone a Fernando Silva no Grande Prêmio sobre a crise na Fórmula Truck. O piloto, maior campeão da categoria, critica os promotores e diz que o espetáculo, “que já foi maior até que a Stock Car”, hoje é pior que corrida de campeonato regional. Ele fala sobre a “lei da mordaça” involuntária a que foi submetido,

Giaffone diz que não vai pegar o campeonato para ele organizar. Era meu palpite. Furado.

No blog de Victor Martins, uma análise da situação da categoria e o que levou à crise. Vale a leitura. E a Truck se manifestou depois que a CBA decidiu abrir o campeonato para um novo promotor. Disse que a marca tem dono, que é a única categoria de caminhões existente e que vai procurar se internacionalizar para arrumar uma filiação. O calendário divulgado para 2017 inclui corridas na Argentina e no Uruguai, mas não se sabe de nenhuma tratativa oficial com esses países para fazer as provas.

O bicho tá pegando, como se diz, e quando caminhão despenca sem freio na ladeira é difícil segurar.

15 comentários

  1. kuka Lienert disse:

    Quero muito saber quem vai tomar conta desta criança!!

  2. Maurício disse:

    Uma pena se a categoria acabar. Nos tempos que morei em Curitiba, ia a todas as corridas que aconteceram no autódromo de Pinhais e a única categoria que lotou o autódromo na época, entre 2012 e 2013 foi a F-Truck. Chegar no autódromo e o primeiro som que ouvi foi um caminhão acelerando na saida da. Curva 0 foi de arrepiar. E ver das arquibancadas ele controlando as saidas de traseira dos brutos é sensacional. Realmente uma pena se a categoria acabar.

  3. Fernando disse:

    Esse Felipe Giafone é um que levou umas bolachas do Geraldo Piquet?

  4. ags disse:

    Essa categoria só tem que acabar mesmo…ela e a istoki bolha..
    Tem que incentivar as formula ve.. ..
    Ou classic cars.
    Caminhão é para trabalho..e istoki bolha ra fazer viuvas..rssssss

  5. Wladimir disse:

    “…que é a única categoria de caminhões existente…”

    Ué, mas e a Truck Series europeia (que, inclusive, é organizada pela FIA)?

  6. Joca disse:

    Ainda levo fé na gestão da Neusa, a Formula Truck é uma categoria com ‘”alma”, se for criada outra nos mesmos moldes não vingará. Vejo criticas e apontamentos de erros, a falta de resposta do promotor encaro como proteção. Quem quer derrubar a categoria está dentro dela. Na primeira corrida promovida pelo Aurélio eram caminhões de Rua se não estou enganado houve uma morte no Paraná. A primeira corrida que assisti em Tarumá era caminhões de Rua, uma noite antes os caminhões andavam pela cidade nos pontos de baladas e encontros, fazendo manobras com caminhões sem preparação que os filhos do Aurélio nem sequer pensam em fazer, foi uma doideira enlouqueceram a Policia e a fiscalização de trânsito. Garimparam pela categoria, talvez esteja grande de mais para a gestão da Neusa, dizem que não quer ajuda, está na hora de arrumar um sócio para manter a união. Por tudo isso vendo a evolução se for criada outra categoria de caminhões, já tem o meu desagrado, o desagrado de um é sinal de desagrado de muitos.
    Por isso torço que a categoria se recupere, até agora não li ninguém apoiando ou querendo que de certo talvez o fim do automobilismo brasileiro esteja ganhando força de quem mais gosta.

    • carlos atila disse:

      E lamentavel a situação em que a FTruck se encontra, mas entendo que a Sra Neusa poderia sim contratar um Promotor comercial experiente, e reorganizar a categoria, quanto as materias que desde o ano passado vem sendo colocada em pauta no grande premiuim, e agora no padock gp, eu apenas lamento a forma como a categoria esta sendo tratada, pelos jornalistas, Apenas o Felipe Giafone foi ouvido, porque eles não entrevistam os pilotos e chefes de equipe mais antigos, e até co-fundadores da categoria, não acho democratico ouvir apenas um piloto,por mais correto que ele seja em suas atitudes, os jornalistas somente investigaram as dividas, e dificuldades, mas não investigaram os motivos que levaram as montadores de caminhões a deixarem de participar da categoria com equipe oficial.
      (Scania, Ford,Volvo,Mercedes, Iveco) muitas peças e componentes foram desenvolvidos e testadas nas provas de F.truck.
      salvo a Volvo, as demais montadores que tiveram equipes oficiais,e foram campeãs, O Falecido Aurélio reformou vários autódromos, e sempre fazia manutenção antes das provas, até não cobrava taxa de inscrição, fornecia: comustivel, oleo lubrificante e 6 pneus gratuitamente a cada prova, e ainda ajudava as equipes menores com peças.
      por este motivo é que devem ser ouvidos os demais pilotos e

  7. Renato de Mello Machado disse:

    Tio Bernie, tá de bobeira com uns negócios de café por SP.Quem sabe, se alguém fizer uma proposta.

  8. Rafael Cejulio disse:

    Se tem um cara que pode falar sobre o automobilismo no Brasil, este cara é o Felipe Giaffone. O engraçado é que o Felipe além de um grande piloto, sempre foi um cara sossegado, simpático e muito boa gente que sempre teve uma postura profissional e correta na Truck, mesmo quando as coisas estavam desabando por trás dos bastidores.
    Por outro lado, se tem uma pessoa errada nesta história, esta pessoa é a Neusa que se tornou autoritária, gananciosa e pelo jeito, seguiu os passos do Emerson, deixando um rastro de dívidas.
    Espero que algum promotor assuma a categoria e faça dela novamente um grande show, como seu fundador Aurélio fez e não importa se ela é dona da marca. Foda-se, ela que enfie a marca naquele lugar…
    Não é um nome que faz uma categoria, mas sim pilotos, equipes e o público, o resto é excesso de fumaça….

  9. Wanderson Marçal disse:

    Deixa eu contar uma coisa meio aleatória: ontem vi o Paddock durante a madrugada, li as matérias do GP (muito bom trabalho de cobertura, diga-se. sei como é difícil lidar com uma certa turba do automobilismo nacional embora a Truck tenha uma turma mais legal que a média) e fui hoje sedento contar o bafafá para uns amigos que curtem automobilismo (tipo uns 4). Todos falaram “ah, legal”. E foram falar de futebol.

    A coisa no Brasil tá difícil. Um assunto desses, 10 anos atrás, renderia pacas. Que coisa.

  10. Anselmo Coyote disse:

    Formula Truck…
    É vertente do automobilismo também, por isso respeito, respeito quem gosta, quem pratica, simpatizantes etc. E torço para que a categoria permaneça e de uma forma “saudável”. Mas para mim não tem a menor graça.
    Abs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>