MENU

quarta-feira, 6 de setembro de 2017 - 16:56Arquitetura & urbanismo

ENCHE O TANQUE

RIO (sério que derrubaram?) – Recebo pelo WhatsApp texto e foto enviados pelo Jovino, de Brasília. Alguém conhece? Tem fotos atuais?

O primeiro posto de gasolina da Petrobras no Brasil foi construído na Vila Acampamento (atual Candangolândia) em 1959, antes mesmo da inauguração da nova capital. Projetado pelo arquiteto José Bina Fonyat, o Posto Guarapari fazia parte de um complexo modernista que incluía um hotel, um restaurante (que foi bastante frequentado por JK) e um edifício de serviços. O local ficou marcado pela caixa d’água em forma de disco voador, que lhe rendeu apelidos como Posto do Cogumelo e Posto do Chapéu. No final dos anos 90, a Petrobras decidiu transformar o Guarapari em um centro de abastecimento de gás natural e, para isso, queria derrubar todas as edificações. Mas a população reagiu à ameaça ao patrimônio e conseguiu negociar, por meio do pioneiro Iremar Carlos Ferreira — o Carlos Paulista –, a destruição parcial do complexo. Atualmente, das construções originais, apenas o “disco voador” permanece de pé, ainda causando espanto e curiosidade por quem passa pela Candangolândia.

Não acredito que tenham tido coragem de pôr abaixo o hotel e o restaurante. Gostaria de mais detalhes sobre esse atentado ao pudor arquitetônico e histórico. Outras fotos de época serão bem-vindas.

postojkbsb

10 comentários

  1. Clebio Junior disse:

    Morava aí perto há uns 3 anos atrás. Confere que o restaurante e o hotel não existem mais. Hoje só existe o disco, sem azulejos e de cor cinza cimentado. Basicamente só está lá pra lembrar o que já foi ali um dia pois todo o resto está como um posto comum da Petrobrás.
    O mais bizarro dessa história é que Brasília não possui uma frota de carros á gás. Só táxis utilizam GLP e só há dois postos que abastecem este combustível: este e um no SIA indo pra Taguatinga.

  2. Wesley disse:

    Atualmente o posto está assim…

    https://goo.gl/EimoCa

  3. Marcus - Franca disse:

    A verdade é… o que se preserva nesse país??? Somente a cultura de levar vantagem sobre o outro… País sem memória, que se tem noticia igual ao Brasil, nunca ouvi falar…

  4. carlos motta disse:

    Sou do RJ criado aqui em Bsb des 1957.
    Me lembro do posto, do restaurante e do Hotel onde passei um réveillon com minha namoradam hoje esposa. Bons temos aqueles…
    Gostaria mesmo de saber é o preço da gasolina daquela época atualizado para hoje.

  5. Alisson disse:

    A única coisa ainda de pé é o disco voador. Ainda existe um posto de gasolina, mas é construído sob os padrões atuais. Salvo engano tentaram derrubar o disco voador, mas não foi permitido.

  6. Carlos Pimenta disse:

    Ficava na entrada de Brasília, para quem vinha de BH, marcou época. Esse disco grandão ai, era o lava jato. Era todo de azulejos azul, tinha uma lanchonete grande, onde tomei meu primeiro Sundae na vida, isto lá por 1969. Embaixo, no canto direito perto deste senhor, era a pista vindo de BH, RJ. Já no fim dos anos 80, tentaram reativar, mas os tempos eram outros. Essa época me remete há um tempo muito bom, ótimas lembranças, já que nasci e fui criado em Brasília.

    • Ítalo disse:

      Este posto não é aquele que fica na estrada da EPNB quando vamos para o aeroporto ou entramos/saímos pelo eixão sul ? Pois toda vez que passo por esta estrada tem esta estrutura em forma de “prato” e agora bate a curiosidade.

      • Carlos Pimenta disse:

        É ele mesmo, fica na BR-040. Para quem esta chegando em Brasilia por esta BR, ele está a direita. Já no fim da Candangolândia. Está certo, porém um pouco longe do Eixão Sul, mas está certo, é ele mesmo. Esse discão ai, era um Lava-Jato para caminhões.

      • Wesley disse:

        Ele fica na via EPIA, é o último posto para quem vem do Bandeirante em direção ao Zoológico. Morei por 5 anos em frente a esse posto e não sabia que era o primeiro de Brasília, muito legal essa foto antiga aí. O pessoal antigo que mora ali perto me falou que fecharam o hotel depois que houve um assassinato lá dentro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>